Vision Care

Blend de nutrientes para proteger a visão

Cáps. de 750 mg

60 cáps. - R$58,97

Em estoque

REF: 5467 Categoria:

luteína e a zeaxantina são os dois únicos carotenoides presentes nos olhos, em quantidades muito maiores do que em qualquer outro local do corpo.

Por sua grande sensibilidade e contato direto com diferentes tipos de radiação, os olhos estão também mais suscetíveis a danos.

Isto é agravado pelo fato de que as células dos olhos não se renovam e os danos se acumulam ao longo dos anos, fazendo com que este precioso órgão seja altamente vulnerável aos desgastes relacionados à idade.

Nossos olhos merecem um cuidado especial, o sistema visual é um dos mais fascinantes, complexos e sofisticados do corpo humano. É também nossa principal via de acesso ao mundo que nos cerca.

Os olhos captam mínimas variações de luz e possuem diferentes tipos de células, altamente especializadas, para a formação de imagens nítidas e detalhadas.

Segundo a ciência, a visão consome cerca de 70% de toda a energia utilizada pelos órgãos dos sentidos.

É importante mencionar que nos dias atuais os olhos estão excessivamente expostos à luz artificial, e estudos indicam que esta exposição contribui grandemente para a formação de radicais livres e deterioração de sua delicada estrutura.

No Vision Care, a luteína e a zeaxantina estão associadas ao ômega 3, DHA.

As duas áreas onde o DHA mais se concentram no organismo são os olhos e o cérebro, e oferecer a luteína e zeaxantina associados a este óleo como veículo é, sem dúvidas, uma excelente estratégia.

Estudos e Referências:

Bone et al.Lutein and zeaxanthin dietary supplements raise macular pigment density and serum concentrations of these carotenoids in humans. J Nutr.

Macular pigments lutein and zeaxanthin as blue light filters studied in liposomes. Junghans A, Sies H, Stal W. Arch Biochem Biophys. 2001 Jul 15:391(2):160-4 A2E and blue light in the retina: the paradigm of age-related macular degeneration.

Shaban H, Richter C. Biol Chem. 2002 Mar-Apr;383(3-4):537-45 Biologic mechanisms of the protective role of lutein and zeaxanthin in the eye. Krinsky NI, Landrum JT, Bone RA, Annu Rev Nutr. 2003;23:171-201. Feb 27, 2003.

Lutein and zeaxanthin status and risk of age-related macular degeneration, Gale CR, Hall NF, et al.Invest Ophthalmol Vis Sci. 2003 Jun;44(6):2461-5.

Macular pigment: influences on visual acuity and visibility. Wooten BR, Hammond BR. Prog Retin Eye Res. 2002 Mar;21(2):225-40.

Effect of dietary zeaxanthin on tissue distribution of zeaxanthin and lutein in quail.- Toyoda Y, Thomson LR, Invest Ophthalmol Vis Sci. 2002 Apr;43(4):1210-21

Elevated retinal zeaxanthin and prevention of light-induced photoreceptor cell death in quail. Thomson LR, toyoda Y, et al. Invest Ophthalmol Vis Sci, 2002 Nov;43(11):3538-49.

STRINGHETA, P.C. et al. Luteina: Propriedades Antioxidantes e Benefícios à Saúde. Alim. Nutr., Araraquara v.17, n.2, p.229-238, abr./jun. 2006.

ALVES-RODRIGUES, A.; SHAO, A. The science behind lutein. Toxicol. Lett., v. 150, p. 57-83, 2004.

SHEGOKAR,R. MITRI, K. Carotenoid lutein: a promising candidate for pharmaceutical and nutraceutical applications.J Diet Suppl. 2012 Sep;9(3):183-210. Aug 14.

BEATTY, S. et al. Macular pigment and age related macular degeneration. Br. J. Ophthalmol., v. 83, p. 867- 877, 1999. BERNSTEIN, P.S. et al. Identification and quantitation of carotenoids an their metabolites in the tissues of the human eye. Exp. Eye Res., v. 72, p. 215-223, 2001.

BERNSTEIN, P.S. et al. Resonance raman measurement of macular carotenoids in the living human eye. Arch. Biochem. Biophys., v. 430, p. 163-169, 2004.

BONE, R.A. et al. Lutein and zeaxanthin in the eyes, serum and diet of human subjects. Exp. Eye Res., v. 71, p. 239-245, 2000.

BONE, R.A. et al. Macular pigment in donor eyes with and without AMD: a case-control syudy. Invest. Ophthalmol. Visual Sci., v. 42, n. 1, p. 234-240, 2001.

ALEMAN, T. S. et al. Macular pigment and lutein supplementation in retinitis pigmentosa and Usher syndrome. Invest. Ophthalmol. Vis. Sci., v.42, p.1873- 1881, 2001.

MARES-PERLMAN, J.A. et al. Lutein and zeaxanthin in the diet and serum and their relation to age-related maculopathy in the third national health and nutrition examination survey. Am. J. Epidemiol., v. 153, p. 424-432, 2001.

OLMEDILLA, B. et al. Lutein, but not _-tocopherol, supplementation improves visual function in patients with age-related cataracts: a 2-y double-blind, placebo controlled pilot study. Nutrition, v.19, p.21-24, 2003.

  • INGREDIENTES

    Óleo de peixe, óleo de cártamo, luteína da flor de tagetes erecta, zeaxantinae acetato de DL alfa tocoferol. Composição da cápsula: gelatina, água purificada, glicerina e corantes cúrcuma e carmim. NÃO CONTÉM GLÚTEN. ALÉRGICOS: CONTÉM DERIVADOS DE PEIXE

  • SUGESTÃO DE USO

    A sugestão é de duas cápsulas ao dia para suprir as necessidades básicas destes importantes nutrientes ou de acordo com a orientação de um profissional de saúde.

  • RECOMENDAÇÕES

    Guardar em local seco, fresco e protegido da luz.

Informação Nutricional

Porção de 1,5 g (2 cápsulas)

Quantidade por porção%VD*
Valor Energético10 kcal / 42 kJ1%
Gorduras Totais, das quais1 g2%
Gorduras Saturadas0,3 g1%
Gorduras Trans0 g**
Gorduras Monoinsaturadas0,2 g**
Gorduras Poli-insaturadas0,5 g**
Ácido eicosapentaenóico - (EPA)171 mg**
Ácido docosahexaenóico - (DHA)114 mg**
Colesterol2 mg**
Luteína10 mg-
Zeaxantina0,5 mg-
Não contém quantidades significativas de carboidratos, proteínas, fibra alimentar e sódio.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Vision Care”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *